Notícias

Cachoeira abençoa nova safra

A Usina Caeté S/A – Unidade Cachoeira, localizada na capital alagoana, realizou missa em Ação de Graças na última terça-feira, marcando o início da moagem, a 24ª desde quando foi adquirida pelo Grupo Carlos Lyra. Aproximadamente 450 pessoas acompanharam a celebração religiosa.

O gerente-geral Ricardo Paiva afirmou que para a nova safra a previsão é moer cerca de 1.050.000 toneladas de cana, com uma produção de 2.036.000 de sacos de açúcar de 50Kg, 18.000.000 de litros de etanol e 21.000 MWh de energia elétrica.

“Saliento, nesta oportunidade, o anseio da Diretoria em encontrar alternativas para enfrentar as adversidades originadas com a crise econômica, que afetou todo o setor sucroenergético brasileiro, ao tempo em que agradeço a compreensão de todos durante o período de grandes dificuldades”, mencionou Ricardo Paiva.

O padre Manoel José dos Santos destacou que aquele era um momento especial, pois, das 24 moagens da Cachoeira, ele teve o privilégio de celebrar a missa durante 23 anos ininterruptos. “Que Deus abençoe a todos e dê a paz necessária para que essa moagem seja próspera. Devemos valorizar o trabalho que é ofertado diante de um cenário de desemprego mundial”, afirmou.

Durante a missa houve a apresentação da União dos Evangélicos da Cachoeira, composta por 18 colaboradores da usina, que cantaram hinos de louvor em comemoração à nova safra.

Após a benção final, o assessor da Diretoria, Assis Gonçalves, lembrou aos presentes que naquela unidade industrial o número de empregos gerados diretamente supera a população de vários municípios de Alagoas. “É com esse perfil que me limito a dizer que a ordem do dia é superação, numa ação municiada pelo poder maior de todos. Devemos acreditar no poder supremo em favor de cada um de nós”, frisou o assessor.

“A emoção desse momento é muito grande. Em nome do Grupo Carlos Lyra nosso reconhecimento pelo incondicional apoio de todos os colaboradores, fornecedores de cana e de serviços”, enfatizou a empresária Elizabeth Anne Lyra Lopes de Farias. “Durante a Semana da Bíblia não poderíamos deixar de lembrar o valor da família; como em Caeté e Marituba, vocês representam a família Cachoeira”, completou.

O industrial Carlos Lyra lembrou a tradição familiar na realização das missas de início de moagem, bem como passagens de sua infância em terras da Usina Serra Grande, localizada no município de São José da Lage (AL), ao recitar trechos de uma poesia escrita por seu tio paterno. “…Nesta hora, aqui te entrego, confiante, os filhos meus! Dá-lhes guia, dá-lhes norte… ”. O presidente do Grupo Carlos Lyra finalizou agradecendo às palavras do celebrante e a presença de todos.

O tradicional apito da usina ao término de cada celebração religiosa foi substituído por um buzinaço de caminhões, carregadeiras e tratores que se encontravam no pátio da indústria.

A moagem da Usina Caeté S/A – Unidade Cachoeira e da Caeté, Matriz, será iniciada na manhã desta sexta-feira, dia 18.

Íntegra da poesia

Oração a Nossa Senhora

Ave Stella Matutina,
Mãe de Deus!
Nesta hora, aqui Te entrego,
confiante, os filhos meus!
Dá-lhes guia, dá-lhes norte
para vida e para a morte;
Que os entrego sem receio,
para a vida, em Tua graça,
para a morte, no Teu seio!
Mãe Divina!
Das mães aflitas, valia
A consolação e a esperança.
Ave, Estrela de Bonança,
Mãe das mães.
Ave Maria!

Autoria: Carlos Lyra Filho – maio de 1935

Galeria de imagens:

Galeria de Fotos

Carmem Valéria Neves dos Anjos
Assessoria de Comunicação

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *