Notícias

Usina Caeté realiza Consulta Pública em São Miguel dos Campos

Cerca de 130 pessoas prestigiaram no último dia 19, a 1ª Consulta Pública realizada pela Usina Caeté S/A. O evento reuniu, no Fórum Desembargador Moura Castro, em São Miguel dos Campos, autoridades municipais, representantes de órgãos públicos municipais, associações comunitárias e a sociedade em geral.

O evento teve por objetivo apresentar algumas das atividades socioambientais, agrícolas e industriais desenvolvidas pela unidade, como também, melhor atender aos clientes e à sociedade de São Miguel dos Campos. Durante a abertura foi exibido o vídeo institucional do Grupo Carlos Lyra, contendo informações das empresas pertencentes ao conglomerado e suas ações de responsabilidade socioambiental.

A primeira palestra foi ministrada por Alexlene Melo Vanderley, coordenadora de Gestão Integrada da Usina Caeté S/A, que apresentou um breve histórico da unidade industrial, adquirida em 1965 pelo industrial Carlos Lyra. Na oportunidade, os participantes receberam informações sobre dados relativos às safras e sobre os projetos desenvolvidos que objetivam a melhoria contínua do processo. A usina é certificada com a ISO 9001, Versão 2000 e desenvolve o Programa 5S.

Na sequência das apresentações, a supervisora de Gestão de Pessoas, Marta Luciana Sampaio Santos, falou sobre as ações sociais da usina, englobando números de empregos gerados durante o período da safra, valores relativos ao pagamento de tributos municipais e estaduais, bem como ações desenvolvidas em atendimento à Norma Regulamentadora 31, mais conhecida como NR 31. Entre os programas elencados, o de alimentação do trabalhador, ginástica laboral, transporte, entre outros.

Marta Sampaio destacou ainda o trabalho social da Escola Conceição Lyra, mantida pela Usina Caeté S/A desde a década de 60, beneficiando filhos de colaboradores e crianças da comunidade de São Miguel dos Campos.

As ações ambientais apresentadas pela coordenadora ambiental Maria de Fátima Amorim contemplaram as atividades implementadas nas áreas agrícola e industrial da usina, que está em processo de certificação da ISO 14001, Versão 2004.

Foi destacado ainda o apoio a projetos de pesquisa, como o da Universidade Federal de Alagoas, que está permitindo um levantamento florístico dos fragmentos florestais da usina. Fátima Amorim assinalou os investimentos que vêm sendo realizados para garantir as adequações necessárias nas áreas industrial e agrícola visando mitigar os impactos anteriormente causados.

A coordenadora ambiental relatou para os presentes as ações efetivas de preservação, a exemplo da construção de um aterro sanitário para a disposição adequada dos resíduos sólidos gerados e que está em processo de licenciamento pelo órgão estadual de meio ambiente. Outro projeto citado foi o de coleta seletiva, que, em pouco tempo, já registra uma minimização considerável dos resíduos gerados.

A etapa final da Consulta Pública contou com um retorno aos questionamentos formulados pelos participantes. Na ocasião, as palestrantes responderam algumas das sugestões da plateia.

Finalizando o evento, a supervisora de Gestão de Pessoas apresentou o projeto Conheça a Empresa, que consiste na visitação pública à usina, apresentou o número (82) 3271-3399, que será disponibilizado em abril para servir como um canal direto de comunicação com a comunidade, além do e-mail ouvidoria@gclnet.com.br para dúvidas, sugestões e reclamações.

“Em um processo de melhoria contínua entendemos como fundamental a otimização de meios de comunicação, para que possamos criar um atendimento cada vez mais eficaz”, finalizou Marta Sampaio.

O evento teve a participação dos diretores do Grupo Carlos Lyra, Elizabeth Anne Lyra Lopes de Farias e Aryl Pontes Lyra, além de colaboradores da Usina Caeté S/A.

Galeria de Fotos

Carmem Valéria Neves dos Anjos
Assessoria de Comunicação

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *