Notícias

Grupo Carlos Lyra recebe financiamento do BNDES para investir em geração de energia elétrica

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) liberou mais um financiamento do Programa de Incentivo a Fontes Alternativas de Energia Elétrica (Proinfa). Desta vez, a verba, no valor de R$ 80 milhões, será destinada ao Grupo Carlos Lyra para investir no aumento da co-geração de energia elétrica a partir do bagaço de cana-de-açúcar na Usina Caeté S/A – Unidade de Volta Grande, no município de Conceição das Alagoas, no Triângulo Mineiro.

O investimento total do projeto é de R$ 107 milhões, dos quais R$ 27 milhões são de recursos próprios. Segundo o diretor financeiro da Unidade Volta Grande, Roberto Martins, o resultado será o incremento da produção em 1,6 milhão de toneladas de cana-de-açúcar, 130 milhões de litros de álcool, 25 megawatts/hora e pelo menos 1,5 mil empregos diretos e 4,5 mil indiretos.

Atualmente, a Usina Caeté S/A – Unidade Volta
Grande produz 25 MW, consome 16 MW e comercializa 9 MW. “Com o investimento, produziremos 55 MW, continuaremos a consumir 16 MW e venderemos 34 MW. Exportamos energia para grandes distribuidoras como a Cemig. Contudo, o incremento da geração de energia por meio desse projeto de expansão foi acordado junto à Eletrobrás”, informou Martins.

O diretor financeiro destacou ainda que a produção a ser alcançada, junto com o desempenho da Usina Caeté S/A – Unidade Delta, no município de mesmo nome, também no Triângulo Mineiro, consolida o Grupo Carlos Lyra como o maior produtor de álcool de Minas Gerais, com 300 milhões de litros. O Grupo ainda possui outras três unidades em Alagoas.
Porém, com duas unidades, Minas é responsável por 65% dos resultados produtivos da empresa.

Valdete Calheiros
Assessora de Comunicação MTB 824/AL

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *